Como ganhar uma eleição com pouco dinheiro no Facebook?

Conheça três passos para fazer uma boa campanha política no Facebook, com ideias de marketing para candidato
Com 130 milhões de usuários no Brasil, o Facebook é indispensável na missão de como ganhar uma eleição para vereador com pouco dinheiro. Veja como usar! - Foto: FreeStocks.org

Rede mais popular do Brasil com quase 130 milhões de usuários, o Facebook é uma ferramenta indispensável para qualquer candidato na missão de como ganhar uma eleição para vereador com pouco dinheiro.

Além do tamanho do público e o fato de as pessoas passarem, em média, mais de uma hora e meia por dia navegando no Facebook, essa rede social ainda traz a possibilidade de divulgar uma candidatura de forma eficiente e fazer campanha política sem investir muitos recursos.

Se o candidato conhecer o seu público e souber como pensa, depois, construir um bom planejamento estratégico para a campanha política, ainda criar os canais e redes da forma correta, produzir bons conteúdos, de acordo com sua linha política e ideológica, e fizer pequenos investimentos em Ads (anúncios) pode chegar a ser eleito vereador.

Mas é só o Facebook?

Não. O Marketing Político digital não se resume ao Facebook e nem mesmo, somente ao Facebook e WhatsApp, por exemplo. Aliás, não se resume somente as redes sociais.

Além de, obviamente, o candidato explorar outras ferramentas como o Instagram e o Twitter, o Marketing de Conteúdo, por meio de um site ou blog, com notícias ou artigos de assuntos de interesse das pessoas também é muito importante.

Um vídeo no YouTube ou um artigo sobre um tema de relevância nacional ou especificamente para a região do candidato a vereador, com uma boa estratégia de SEO e um uso correto de ferramentas Google podem ajudar na missão de ganhar uma eleição com pouco dinheiro.

Mas e no Facebook?

Como neste artigo falamos sobre o Facebook, separei três passos que podem ser usados por uma candidato para fazer um bom Marketing Político e Marketing Eleitoral no Facebook.

É preciso ficar claro que não se trata de uma fórmula, afinal, comunicação política e estratégia para candidato a vereador não é matemática. Algo que pode funcionar para um político pode não funcionar para outro.

Há centenas de variáveis em uma campanha política, mas com certeza, pesar esses três fatores, especificamente para o Facebook, pode ajudar e muito um candidato a ganhar uma eleição com pouco dinheiro.

1) Ter um bom conteúdo (para seu público)

Quando se fala em bom conteúdo para um candidato, muitas pessoas acham que se trata de um vídeo bem produzido, artes feitas por designers profissionais e fotos incríveis.

Nada disso. Estética é importante, mas o que define um bom conteúdo para um político é aquele que causa algum tipo de identificação no seu público. O popular “dizer o que as pessoas querem ouvir”, mas com estratégia.

Por isso, é tão importante para um candidato saber qual e o que pensa o seu público sobre os assuntos mais importantes da cidade e do país. Conhecendo o seu público, você poderá produzir conteúdos que causem identificação.

Seja um vídeo ou uma foto com uma boa legenda, o candidato deve sempre se questionar se as pessoas que o seguem vão se sentir identificadas com aquele conteúdo. Não basta apenas concordarem.

As pessoas que forem alcançadas por aquele conteúdo devem olhar e dizer, mesmo que internamente ou sem comentarem no post: “Esse cara me representa” ou ainda “essa pessoa disse ou fez aquilo que que queria dizer ou fazer”.

É claro que para construir esse conteúdo, o candidato precisa conhecer o seu lugar na conjuntura política, se é de oposição ou situação ou ainda quais tipos de conteúdos geram mais engajamento e podem ser postados.

Há também temas ou tipos de atuação na produção de conteúdo político diferentes e já falamos sobre isso aqui.

2) Avaliar dados! Não é só postar

É óbvio que um bom Marketing Político no Facebook não é só ter um bom conteúdo e postar. Avaliar os dados para saber o que e quando mais funciona também é essencial.

Não adianta nada um bom conteúdo, que cause identificação ser postado em uma madrugada de terça-feira. Varia de página para página, mas no geral, existem dias e horários melhores para postar no Facebook.

Segundo a pesquisa realizada pela QuickSprout, os dias que geram maior engajamento no Facebook são quinta e sexta-feira. O melhor horário para conseguir mais compartilhamentos é 13h, e, para conseguir cliques, 15h. Uma sugestão mais ampla de horários seria entre 9h e 19h.

Mas é possível verificar o comportamento do seu público, na guia Informações de sua página, mais especificamente na opção Publicações para saber dias e horários que seus seguidores estiveram ativos e quais tipos de publicações mais geraram envolvimento e alcance.

Avalie quais são os melhores dias e horários de sua rede e monte um planejamento estratégico de conteúdos em cima disso.

3) Investir em Ads para ampliar o alcance para pessoas reais e no alvo

Sim. É possível ganhar uma eleição com pouco dinheiro, só não é possível ganhar sem gastar nada. E um caminho para alcançar mais pessoas, de forma segmentada, no bairro ou cidade que você quer, que pensa como você pensa é investir em Ads.

O Facebook permite, dependendo do público e objetivo do anúncio, atingir até 1.000 pessoas com menos de R$ 0,15. Ou seja, com R$ 1 é possível alcançar, em uma mesma cidade ou até bairro, quase 6.500 pessoas.

Mas é claro que para fazer boas campanhas de Ads, além de um bom conteúdo, já que só alcançar mais pessoas não adianta nada, é preciso conhecer o público, segmentá-lo no Gerenciador de Anúncios de forma correta e ter orçamento para tal.

Para não comprometer o orçamento e não gastar muito é interessante que o candidato tenha poucos conteúdos, mas certeiros, que possam receber investimento o bastante para alcançar boa parte do eleitorado.

Leia outros artigos sobre marketing político para vereador e tenha ideias de marketing para campanha política

3 ideias de marketing para campanha política no Instagram

3 ferramentas Google para ganhar uma eleição com pouco dinheiro?

2 dicas de Marketing Político candidatos de oposição e de situação nas eleições de 2020

5 erros do papel do vereador no marketing político da campanha

5 dicas para fazer um planejamento estratégico para campanha política

A eleição de 2020 já começou e você não percebeu

Como encontrar eleitores para a campanha de vereador

Marketing Político nas redes sociais: como criar e gerenciar páginas de candidatos?

Marketing Político: melhores posts para candidatos nas redes sociais

Quais são os melhores cursos de marketing político do Brasil?

Qual a diferença entre marketing político e marketing eleitoral?

Conheça os melhores profissionais do marketing político do Brasil

Marketing Político e Marketing Eleitoral: Qual a diferença?

Marketing Político no WhatsApp: como se comunicar com os eleitores?

Sobre Lucas Pimenta 35 Artigos
Lucas Pimenta é jornalista formado pela Universidade Anhembi Morumbi e com especialização em Marketing Político e Campanhas Eleitorais pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP). Trabalha na Câmara Municipal de São Paulo, atuou ainda na Secretaria Executiva de Comunicação da Prefeitura de São Paulo e na Secretaria Estadual da Segurança Pública de São Paulo. Foi repórter ainda em jornais como Metrô News, Folha Metropolitana e Agora São Paulo.

9 Trackbacks / Pingbacks

  1. Como se eleger vereador em cidade pequena com 3 dicas
  2. Como ganhar uma eleição para vereador com pouco dinheiro?
  3. 5 dicas para saber se conteúdo é bom e ajuda a ganhar a eleição
  4. Como ser um vereador com um bom banco de dados para as eleições?
  5. Como empresas de redes sociais estão dificultando o marketing político?
  6. Três ações de marketing do Bolsonaro para utilizar em 2020
  7. Eleições 2020: vale a pena fazer transmissão ao vivo?
  8. Marketing Político no Facebook: fale mais do eleitor, menos do candidato
  9. Como impulsionar publicação no Facebook e ganhar eleição com pouco?

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*