Eleições 2022: Quem vai ganhar a eleição? Lula ou Bolsonaro?

Eleições 2022: Quem vai ganhar a eleição? Lula ou Bolsonaro? Essa é a pergunta de milhões nos últimos tempos. Mais especificamente, 20o milhões de brasileiros que querem saber quem será eleito no embate entre o atual presidente e o ex-presidente

Depois de passar, praticamente, todo o ano de 2022 a frente, com larga distância de acordo com as pesquisas, Lula está em queda e Jair Bolsonaro em ascensão. A distância entre os dois nas pesquisas que já foi de quase 20 p.p., caiu 7 p.p. somente nas últimas duas semanas, e hoje, é de menos de 6 p.p. na média dos levantamentos.

Esse movimento é resultado de estratégia política, uma que está em consonância com o que mostram as pesquisas e outra que está se descolando da realidade.

Enquanto as pesquisas mostram que a economia é a principal preocupação dos brasileiros, Lula, em vez de falar sobre preços de alimentos, emprego e renda, comete o mesmo erro do PT em 2018, dando foco a questões como a “defesa da democracia” e o “combate ao fascismo”.

Por mais importantes que sejam essas pautas, assim como em 2018, as eleições 2022 e todas as outras devem dialogar com os anseios do eleitor e o eleitor comum não está preocupado com democracia. Está preocupado em ter emprego e renda para ter comida no prato.

E por isso, Bolsonaro subiu. Após baixar os impostos sobre a gasolina, impactando no preço dos combustíveis e aumentar o valor do Auxílio Brasil, o atual presidente cresceu nas classes com menor renda, onde Lula ainda ganha, mas ganhava com larga vantagem.

A redução dessa vantagem e não necessariamente a vitória nessas classes, pode garantir a reeleição de Bolsonaro, já que em outras camadas sociais, ele é quem lidera.

Eleições 2022: quem vai ganhar a eleição?

Ainda é difícil cravar quem vencerá as Eleições 2022 e será o novo presidente do Brasil. Mas sem dúvida, se Bolsonaro seguir agindo para a base social e Lula continuar descolado da realidade, a tendência é que as pesquisas virem.

A Bolsonaro cabe não cair no erro que seu governo cometeu de firmar o pé em “pautas filosóficas”, distantes do brasileiro comum, como o “judiciário ativista”, “fim do STF” ou “liberdade de expressão” e continuar usando tudo o que a máquina oferece para colocar mais dinheiro no bolso das pessoas e elas poderem comprar mais, com melhores preços.

A Lula cabe mudar e já a estratégia. É preciso voltar aquilo que garantiu ao PT o comando do país por 16 anos, que é justamente, a questão social e econômica, especialmente, dos mais pobres.

Sem isso e olhando apenas para pautas de classe média, que apesar de importantes, são incompreensíveis ao eleitor comum, Lula perderá uma eleição que há quatro meses, parecia ganha.

Não acredito que ninguém será eleito no primeiro turno, no dia 2 de outubro. A decisão ficará para o dia 30 de outubro, pois pior que seja o desempenho da terceira via, os candidatos dela serão o fiel da balança para que Lula e Bolsonaro não ganhem na primeira rodada.

Análise completa sobre as eleições 2022

Recentemente gravei vídeos para o meu canal do YouTube com minhas previsões sobre o início da campanha, detalhando um pouco do que disse acima, deixando você mais informado sobre aquilo que vai acontecer na campanha eleitoral.

Fiz também uma análise sobre o primeiro dia da propaganda eleitoral, estratégias e narrativas de todos os candidatos a presidente para a televisão.

E claro, fiz previsões logo no início da campanha sobre o que poderia acontecer.

Pois além da análise de pesquisas, dados, cenários e das estratégias adotadas por cada um até o momento, três dias antes do início da campanha e dez dias antes da propaganda eleitoral de rádio e televisão, o vídeo fala sobre as perspectivas em relação a terceira via e como a dupla da polarização vai agir.

Quer saber mais sobre eleições 2022 e quem vai ganhar?

Sou autor do método “Como ganhar uma eleição com pouco dinheiro? 2.0”, um curso com mais de dez horas de videoaulas sobre marketing político nas redes sociais, além de 300 páginas de artigos e livros para ensinar você a fazer sua campanha.

Com aulas online, você pode aprender passo a passo, desde a criação e gestão de redes sociais de políticos, criação de posts políticos e conteúdos para candidatos até as estratégias mais modernas de anúncios, impulsionamento e tráfego pago na política.

Na primeira edição, em 2020, mais de 120 alunos do curso tiveram sucesso e foram eleitos vereadores aplicando o que aprenderam nas aulas.

Se você também quer ter sucesso e aprender tudo o que é preciso para ser eleito com pouco dinheiro, faça sua inscrição pelo valor promocional de R$ 99,99. Não é mensalidade. É o curso completo e o melhor curso de marketing político do Brasil pelo melhor custo-benefício.

Para aprender gratuitamente, com dicas diárias e aulas completas sobre marketing na política, me siga no Instagram e inscreva-se no meu canal do YouTube

Matricule-se no melhor curso de Marketing Político do Brasil!

Como ganhar uma eleição com pouco dinheiro? 2.0 está com inscrições abertas!
Curso