Marketing político digital: como começar para as eleições de 2022?

Muitas pessoas querem ser candidato e muitas já sabem que o marketing político digital é o caminho mais fácil, simples, barato, mas principalmente indispensável para quem quer vencer as eleições de 2022.

Mas marketing político nas redes sociais está longe de ser só pegar seu perfil e ficar postando tudo o que faz, com quem esteve ou onde esteve.

Redes sociais de políticos não podem ser diários de adolescentes. É preciso ser profissional, tenha identidade com bons conteúdos que gerem entretenimento, envolvimento ou ensinem algo novo com boas narrativas.

Mais que isso, engana-se quem pensa que redes sociais são “almoço grátis”. É indispensável para qualquer um investir em anúncios e impulsionamento para efetivamente levar sua mensagem para mais pessoas.

Sem o mínimo para atuar nas redes sociais, além de não ser eleito em 2022, você vai perder tempo.

O que precisa fazer para ter um bom marketing político digital para 2022?

Canais profissionais são indispensáveis. Trabalhar com perfil pessoal é abrir mão de mensuração e anúncios, duas coisas que levariam ao fracasso.

Boas fotos, em especial, uma boa foto de perfil, linguagem e voz de candidato que marquem uma identidade também não podem faltar.

Por conta disso, gravei um vídeo em meu YouTube que explica tudo o que você precisa para iniciar, o mínimo para ter um bom marketing político nas redes sociais.

Por isso, tão importante quanto começar seu marketing político nas redes sociais para as eleições de 2022 é você saber como começar para não errar e perder tempo, afinal, tempo é tudo que você não pode perder.

Assista o vídeo completo com tudo o que precisa saber para fazer marketing político nas redes sociais para candidatos, que fiz em meu canal do YouTube.

Matricule-se no melhor curso de Marketing Político do Brasil!

Como ganhar uma eleição com pouco dinheiro? 2.0 está com inscrições abertas!
Curso